Páginas

domingo, 8 de fevereiro de 2009

Me disseram uma vez que o danado do amor pode ser fatal


Caminhei por entre as entranhas de um coração mal resolvido e descobri que existe alguém maior que as barreiras criadas, maior que as palavras viciosas ou sem efeito. Pude perceber alguém que vive e não simplesmente existe, que cria e recria medos, mas não os assume. De fato, é imperfeição aos olhos dos realistas, mas pra mim que tenho um olhar romântico, acho a perfeição no imperfeito, idealizo o que, agora, deixa-me envolver, deixa-me voar por outros planos, deixa-me sonhar e realizar o que a carne não permite. Descubro que, de forma simples, amo e isso me satisfaz plenamente como ser humano imperfeito que sou, isso me basta!

3 comentários:

  1. Pois é, garotinha, vc disse tudo! Mil beijos!

    ResponderExcluir
  2. uauuuu, parabens, só uma pergunta??? é uma confissão??? kakka
    bjão ah e sempre que puder apareça viuuu

    ResponderExcluir